13 junho 2007


Não interessa que as pessoas nos digam que não poderemos ser felizes. Não interessa que as pessoas digam que não temos nada a ver um com o outro. Não interessa que nenhum de nós tenha em comum as palavras que o outro sente. Não interessa que nenhum de nós tenha verdadeira empatia pelo que nos interessa fora de nós. Mas é importante que quando me beijas o meu coração estremece e viaja do sitio dele, ali situado entre ossos, percorrendo-me toda mostrando-me que ainda posso sorrir. E quando me acaricias, fazes-me estremecer, fazes-me sentir a mulher mais desejada, e é ali entre os teus braços que sinto o estremecimento crescer e fazer-me mulher contigo dentro de mim, na boca, no sexo, na língua ou simplesmente nesse teu olhar fantasmagoricamente profundo.

Sabes porque não interessa? Porque quando estamos juntos é sempre tão pouco, que apenas damos lugar ao sonho. E nada tem mais espaço para crescer entre nós. Nem mesmo o abandono a que me votas nos eternos desaparecimentos.

31.05.2007

2 comentários:

Rodrigo disse...

Oi, achei teu blog pelo google tá bem interessante gostei desse post. Quando der dá uma passada pelo meu blog, é sobre camisetas personalizadas, mostra passo a passo como criar uma camiseta personalizada bem maneira. Até mais.

algevo disse...

Obrigada Rodrigo.

Até sempre.

I.